Reeducação alimentar para emagrecer

A reeducação alimentar para emagrecer pode ser o melhor caminho a seguir se você deseja ter resultados duradouros evitando famoso e temido, “efeito sanfona”.

Já perdeu peso diversas vezes, mas sempre acaba voltando de onde partiu? Talvez isso seja culpa das dietas para emagrecer! Parece mentira, mas as dietas milagrosas de emagrecimento, muitas vezes atuam como vilãs do peso ideal.

Soluções rápidas quase sempre não resolvem o problema principal: Educação alimentar. Perder peso rápido traz uma sensação agradável de satisfação, porém, a maior parte das pessoas sempre acaba ganhando tudo de novo.

Quer entender o porquê de você nunca conseguir emagrecer definitivamente e como a reeducação alimentar pode te ajudar? Leia até o final e aprenda definitivamente a perder peso de forma sustentável.

Como funciona a reeducação alimentar?

A reeducação alimentar é um conjunto de ações que ajudam a transformar completamente a forma como alguém se alimenta. A técnica é utilizada por quem deseja perder peso definitivamente, mudando completamente os hábitos alimentares.

Para fazer a reeducação alimentar você deve primeiro identificar quais são os pontos críticos da sua dieta, onde você está errando, quais são os alimentos que mais prejudicam o seu emagrecimento e qual a melhor forma de evita-los.

Elabore uma lista contendo todas as besteiras que você costuma comer e em quais situações isso acontece, por exemplo, se você costuma comer besteiras demais quando vai à festas e eventos sociais, escreva na lista o que você come e quando isso aconteceu pela última vez.

Algumas pessoas acabam usam a alimentação como uma forma de “refúgio psicológico”, quando se sentem aflitas, ansiosas e tristes, recorrem à comida para se acalmarem. Esse tipo de hábito é extremamente perigoso, você acaba perdendo o controle da balança.

Depois de ter identificado todos os pontos críticos da dieta, aos poucos elimine cada um dos alimentos listados da sua alimentação. É importante que comece aos poucos, cortar completamente as comidas que você mais gosta é difícil, mas retirando aos poucos isso se torna mais fácil.

Se você sempre come pizzas e costuma comer entre 3 e 4 pedaços, passe a comer 2, depois 1 e experimente não comer pizza durante determinado período, você vai perceber que aos poucos o seu corpo passa a não desejar mais aquilo e fica muito mais fácil a reeducação alimentar.

Como perder peso com a reeducação alimentar?

Além de benefícios para a saúde, se feita adequadamente, a reeducação alimentar oferece benefícios para a saúde também. Reduzindo as gorduras ruins (saturadas e trans) por exemplo, você além de diminuir as chances de desenvolver doenças cardíacas ainda contribui para o controle do colesterol.

          Busque por alimentos que ajudam a emagrecer, que possuem o famoso efeito termogênico, responsável por “queimar” as gorduras. A pimenta, o chá verde, limão e gengibre são alimentos que devem estar na sua dieta se o objetivo for perder peso.

          Se está começando a reeducação alimentar agora, tente evitar situações que te levem a fugir da dieta. Se você é apaixonado por doces, evite passar na rua daquela loja de chocolates, pode parecer besteira, mas para quem está começando, situações assim são um verdadeiro risco!

          Quando for comer em algum restaurante, comece pela parte das saladas, sirva à vontade. Isso ajuda a “enganar” o cérebro, pois a salada vai dar volume ao prato, passando uma impressão de que ele já está cheio.

          Gostou das dicas? Comece hoje mesmo a sua reeducação alimentar e veja em poucos dias o resultado na balança.

Deixe uma resposta